Cidadão que acompanha o orçamento público dá valor ao Brasil


Edson Dionizio é um daqueles apaixonados pela arte da escrita. Escreve desde os 12 anos e tem especial interesse pelo tema “Direitos Humanos”. Em 2011, foi o único aluno do estado de Sergipe classificado para o 6º Prêmio “Construindo a Igualdade de Gênero” e teve sua redação publicada em livro de redações da Secretaria de Políticas para as Mulheres do Governo Federal. O concurso teve a participação de 3.951 alunos de escolas públicas do País.

Estudioso, o Jovem Senador de Sergipe sempre participa de concursos voltados para a área de educação e não se esquece do apoio que recebe dos mestres, como a professora Daniela Amaral, orientadora dos seus trabalhos. Com a redação “Nossos atos, nossas cidades, nosso Brasil!”, Edson Dionizio foi o finalista do estado de Sergipe no Concurso de Redação do Senado Federal e, em Brasília, foi enfático em agradecer o apoio que sempre recebe dos amigos e profissionais de sua escola – Colégio Estadual Tobias Barreto.

Organizado, o Jovem Senador de Sergipe acredita no planejamento em longo prazo e quer se dedicar ao estudo do Direito. Entre os seus muitos projetos, está a carreira na promotoria, os estudos na área de psicologia, ser colunista de jornal e escrever sobre política e educação.

Quando o assunto é participação política, Edson Dionizio acha que os jovens brasileiros já foram mais atuantes. “A classe jovem, em sua maioria, tem se mantido omissa e por isso precisa voltar a se manifestar com a mesma determinação de tempos passados, fazendo valer o titulo de cidadão”.

Colégio Estadual Tobias Barreto
Endereço:
Professor orientador:
Maria Isabel Vieira Freire

"Minha atuação no Projeto Jovem Senador do Brasil, pelo Estado de Sergipe, em 2012 certamente foi o episódio mais gratificante e notável da minha vida como estudante de ensino médio. Ao longo dos últimos anos colhi os primeiros frutos dessa conquista, tive vários encontros com membros políticos nas esferas municipais, estaduais e federais o que proporcionou a possibilidade de indicar o um projeto para um Prêmio Literário em meu estado e patrocínio para retornar a Brasilia em 2013, reencontrando essa espetacular equipe do JS e conhecer os novos Jovens Senadores para transmitir aos meus sucessores um pouco da minha experiencia com o Concurso de Redação do Senado Federal. Conquistei homenagens, publicações de matérias em jornais,revistas e sites, promovi palestras em comunidades discutindo problemas vivenciados pelo povo. Hoje trabalho em um hospital privado, referência em seu segmento, e para desempenhar minhas funções com excelência curso o segundo período da Faculdade de Administração, mas, sem perder a meta de futuramente cursar Direito e também desenvolver-me nessa área. Além disso, pretendo continuar apresentando aos nossos representares políticos propostas de melhoria a nossa sociedade e militando politicamente sobre questões sociais, tendo como principal instrumento a arte de escrever".

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11