Ferramentas Pessoais
Acessar

Construções Sustentáveis

 

Construções sustentáveis tratam-se de práticas de construção adotadas antes, durante e depois da obra, pensadas para impactar o mínimo possível o meio ambiente.
Nestas, tenta-se reduzir a produção de resíduos e a utilização dos recursos naturais como energia e água, sem perder o conforto térmico. Assim, atenta-se para aproveitamento da iluminação natural e dos ventos.
Além disso, os materiais também são pensados para causarem o mínimo impacto e garantir maior eficiência energética. Há, inclusive, algumas construções que utilizam materiais do próprio local como insumo para a obra.
Atualmente existem diversas certificadoras internacionais que atestam a sustentabilidade e eficiência dos edifícios utilizando critérios  técnicos. Entre os selos existentes estão  o BREEAM -Building Research Establishment Environmental Assessment Method, do Reino Unido; o LEED - Leadership in Energy &Environmental Design, nos Estados Unidos; o NABERS - National Australian Buildings Environmental Rating System, na Austrália; o BEPAC - Building Environmental Performance Assessment Criteria, no Canadá; o HQE - Haule Qualité Environnementale dês Bâtiments, na França e o CASBEE - Comprehensive Assessment System for Building Environmental Efficiency, no Japão.
No Brasil, os dois métodos de certificação mais utilizados são o LEED, representado pelo Green Council do Brasil, e o AQUA - Alta Qualidade Ambiental, que foi baseada no HQE e é realizado pela Fundação Vanzolini.
Tais certificações garantem o selo à fase de construção do edifício, garantindo que este foi planejado de maneira sustentável visando a aproveitar os recursos ambientais disponíveis. Todavia, é importante ter em mente que de nada adianta ter um edifício certificado se os usuários não cooperarem e utilizarem o edifício de maneira também sustentável.
Assim, é preciso conscientizar os usuários para que usem de forma consciente estas edificações.
Aqui no Senado, nós temos um exemplo de edifício sustentável, trata-se do viveiro do Senado.

SIGES

O SIGES é um software de gestão que está sendo desenvolvido pelo SENADO VERDE em parceria com o PRODASEN e que pretende auxiliar o gestor em decisões ligadas ao projeto e executivo de edifícios sustentáveis, de baixo impacto ambiental e com grande eficiência energética.
O software possui várias interfaces de acesso tendo como principais as interfaces que analisam as chamadas AÇÕES SUSTENTÁVEIS, categorizando e pontuando cada Ação para, no final, colocá-las em uma escala de análise.
Possui ainda módulos de orçamentário , preparação de relatórios, análise de retorno de Investimento e planilhas técnicas de dimensionamento dos sistemas.
O MÓDULO 1, disponível para download, compreende uma planilha de cálculo do RETORNO DO INVESTIMENTO da ação sustentável a ser estudada e poderá ser baixada Gratuitamente para uso acadêmico e pelas instituições públicas e de economia mista, Sendo vetado o seu uso comercial.