Ferramentas Pessoais
Acessar

II Semana de Valorização da Primeira Infância e Cultura da Paz - 2009

Publicações dos Artigos dos Conferencistas da 2ª Semana de Valorização da Primeira Infância e Cultura da Paz
File Como brincam os bebês - Marilena Flores Martins e Andrew John Swan - 2009
Os bebês O nascimento de um bebê vem geralmente cercado de expectativas, sonhos e planos para o futuro. Quando nasce, o bebê humano ainda é prematuro se comparado a outros animais, pois ainda não completou a formação de seu sistema neurológico e perceptivo. Entre o nascimento e os três anos muita coisa acontece para que aprenda a controlar os esfíncteres, a comunicar-se pela fala, a andar e a ter mais independência dos familiares e adultos mais próximos. Ao alimentar ou trocar uma criança pequena não é só o cuidado com a alimentação e higiene são importantes, mas a afetividade que envolve essa situação.
File Criança e violência - Pedro Simon - Ano 2009
A bênção todos os organizadores deste evento. Quem sabe, na verdade, abençoados são todos vocês. Eu acho que a luz divina não só os inspirou na concepção deste encontro, mas ela, também e principalmente, iluminou a escolha desta data. Ou, deste período, talvez o momento mais propício para discutirmos, hoje, o Brasil de amanhã. Ou, também quem sabe, a humanidade do futuro.
File É a creche o melhor lugar para as crianças de até três anos? - Vital Didonet - Ano 2009
O tema está na tona dos debates no mundo, em especial, em nosso país. Há dois anos, ele ganhou um reforço da breve entrevista da Revista Época com Steve Biddulph (Edição n° 497, de 12/11/2007) e, no ano passado, suscitado por um artigo no The Wall Street Journal, de 22 de agosto de 2008, que visava contrapor-se à proposta do então candidato Barack Obama, de universalizar a educação infantil.
File Criança, Família e Sociedade Ensaio sobre as origens do amor - João Gomes Pedro - Ano 2009
É extraordinária, na pessoa humana, a evolução que vai desde a descoberta do outro significativo até ao desespero que acontece com a substituição ou com a ausência desse outro significativo.
File O Apego e a Resiliência: Teoria, Clínica e Política Social - Antoine Guédeney - Ano 2009
O termo resiliência é originário da física. Ele define as capacidades de uma substância conservar suas propriedades físicas sob a influência de condições extremas. Recentemente, resiliência transformou-se em uma palavra-chave em matéria de saúde mental, empregada para enfatizar as condições nas quais uma criança pode resistir a um traumatismo ou a condições difíceis e manter a integridade de seu desenvolvimento psicológico. O termo apego foi proposto por Bowlby para definir a necessidade primária de proximidade e de sentimento de segurança da criança pequena em relação a seus pais.
File Resiliência e salutogênese: antídotos para a violência - João Augusto Figueiró - Ano 2009
Muito se escreve e discute sobre a violência física, abuso sexual, trabalho infantil e outros traumas perpetrados contra nossas crianças. Queremos falar de formas silenciosas e mais sutis de violência que acreditamos ser um dos maiores responsáveis pela transmissão transgeracional da violência em nossa sociedade. Formas que todos nós poderíamos desestimular, como atitude de sobrevivência financeira, ou eliminar, se fôssemos ainda mais ousados.