Senado realiza seminário sobre a Constituição de Cádis

Tércio Ribas Torres | 17/08/2012, 18h12 - ATUALIZADO EM 20/02/2015, 00h44

O Senado vai realizar, na próxima segunda-feira (20), o seminário 200 Anos da Constituição de Cádis. O evento vai ocorrer no Auditório do Interlegis, a partir das 9h, e deve contar com a presença do presidente da Casa, José Sarney, que fará a palestra de abertura.

O secretário-geral da Secretaria Ibero-americana, Enrique V. Iglesias, também será um dos palestrantes. O professor Carlos Fernando Mathias de Souza, vice-reitor acadêmico da Unilegis, vai falar sobre a constituição de Cádis e as constituições de Portugal (1822) e do Brasil (1824). Também está prevista uma palestra com o jurista e escritor espanhol Benigno Pendás, que vai discorrer sobre a constituição de Cádis como símbolo de liberdade e sua influência na península ibérica. O assessor especial de Comunicação da Presidência do Senado, embaixador Jerônimo Moscardo, deve encerrar o seminário.

A Constituição de Cádis, também conhecida por Constituição Espanhola de 1812, foi o primeiro documento constitucional em sentido moderno aprovado na península ibérica e um dos primeiros do mundo. Seu texto exerceu profunda influência no desenvolvimento do constitucionalismo espanhol, português e latino-americano.

A inscrição para o seminário pode ser feita pelo site do Interlegis.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE:

Senado Agora
13h34 Fundos de universidades: CAE aprova o PLS 16/2015, que autoriza a criação e o funcionamento de fundos patrimoniais vinculados ao financiamento de instituições públicas de ensino superior. A matéria precisa ser votada em turno suplementar na Comissão.
12h23 Escolas: a Comissão de Educação aprova projeto determinando que equipamentos de informática apreendidos em aduanas sejam destinados para escolas federais, estaduais e municipais (PLC 123/2015). Proposta segue para a CAE.
11h58 Audiências: Comissão de Educação aprova realização de duas audiências públicas, cujas datas ainda serão definidas. Uma com o ministro da Cultura, Sergio Sá Leitão e outra para discutir a nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC).
Ver todas ›