Audiência da CPI do tráfico de pessoas é adiada

Da Redação | 19/05/2011, 15h26 - ATUALIZADO EM 30/01/2015, 13h39

Audiência pública da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Tráfico Nacional e Internacional de Pessoas, que seria realizada nesta quinta-feira (19), foi adiada. Nenhum dos convidados a participar da audiência pôde comparecer na que seria a segunda reunião da CPI. Todos enviaram justificativas e se colocaram à disposição para participar em outra data.

Haviam sido convidados os delegados Delano Cerqueira e Paula Dora Aostri Morales, da Divisão de Direitos Humanos do Departamento de Policia Federal; os oficiais de programa da Unidade de Governança e Justiça do Escritório das Nações Unidas para Combate e Prevenção ao Crime (UNODC) Nívio Nascimento e Rodrigo Vitória; o representante regional do UNODC para o Brasil e Cone Sul, Bo Mathiasen; e o presidente da organização SaferNet Brasil, Thiago Tavares Nunes de Oliveira.

A audiência pública ainda não tem nova data definida, mas deve ser realizada na primeira semana de junho.Antes, no dia 24 de maio, terça-feira, às 13 horas, a comissão realizará uma reunião de trabalho para definir o que será feito nos próximos encontros.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE: