Ferraço: reforma trabalhista vai retirar o trabalhador do “primitivismo”

14/07/2017, 18h52 - ATUALIZADO EM 14/07/2017, 19h38

O senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) disse em entrevista ao programa Senado em Revista, da Rádio Senado, que a reforma trabalhista vai retirar do “primitivismo” noventa milhões de brasileiros que estavam sem qualquer proteção da CLT, a Consolidação das Leis do Trabalho. Ele reafirmou que nenhum direito foi retirado dos trabalhadores pela reforma e que eles terão mais liberdade para decidir sobre o parcelamento das férias e a contribuição sindical. Ferraço foi entrevistado pela repórter Hérica Christian.



Opções: Download