Governo estuda plano emergencial para socorrer estados em situação financeira grave

11/01/2017, 15h09 - ATUALIZADO EM 11/01/2017, 15h27

O governo federal estuda um pacote de recuperação fiscal para os estados em situação financeira grave. O Rio de Janeiro foi o primeiro a negociar a ajuda diretamente com o Ministério da Fazenda. O estado iniciou 2017 com um rombo de mais de R$ 17 bilhões. Em outubro de 2016, o Senado aprovou as Medidas Provisórias 734 e 736, que autorizavam o repasse de R$ 2,9 bilhões para compensar os gastos da Secretaria de Segurança do Rio de Janeiro com os Jogos Olímpicos e Paralímpicos. O senador Armando Monteiro (PTB-PE) observou que as matérias foram aprovadas sem a maior parte das contrapartidas que seriam exigidas para o recebimento, pelos estados, da ajuda federal.

Acompanhe a reportagem de Marcella Cunha, da Rádio Senado.



Opções: Download